terça-feira, 15 de março de 2011

Casamento

E eles se casaram, depois de juras e declarações de amor. Depois de juntarem dinheiro, escovas de dente e roupas de cama. Depois de ouvirem que o amor habita a alegria e a tristeza, a saúde e a doença, "até que a morte os separe".
Com todo o respeito, seu padre, naquele momento não dava para pensar em fim. Apenas começo, página branca como o véu da noiva,  sino batendo, livro novo na estante.
Saíram da igreja aos beijos e aplausos, sob uma fina chuva de arroz, sol nascente dentro de cada um.
Levariam um tempo ainda para cozinhar o feijão, viver o dia-a-dia das contas, das reuniões de condomínio, do choro de alegria dos filhos.
Sem perceber foram envelhecendo juntos, se amando um pouco mais a cada dia, dormindo como conchas do mar e assistindo à TV de mãos dadas.
À tristeza iriam se somar as quedas, os tropeços, os inevitáveis desencontros.
À doença iriam se somar as crises de TPM, os pavios curtos, as dores de cabeça no meio da noite.
O padre tinha razão. Ao colorido do amor se juntam nuances de cinza, preto, bege, cores que desbotam com o tempo.
E quando tudo parece árido, vazio, asséptico, vem o amor para lembrar a que vem. Nascendo de novo como o sol que nunca falta, trazendo consigo a força de uma história, de um sonho emoldurado por beijos e abraços, fotos e filhos, netos que também trazem choro de alegria. Dizendo sim sem precisar de palavras. Ouvindo a marcha nupcial quando o silêncio fala mais alto. Florescendo um jardim inteiro quando o buquê há muito tempo já secou.

21 comentários:

  1. " E quando tudo parece árido, vazio, asséptico, vem o amor para lembrar a que vem. Nascendo de novo como o sol que nunca falta, trazendo consigo a força de uma história, de um sonho emoldurado por beijos e abraços, fotos e filhos, netos que também trazem choro de alegria."

    Lindo! _ Ai ai...(suspiro)rsrsrsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Adoro ler seu blog... lindo mesmo!!! Vc escreve com o coração. bjs

    ResponderExcluir
  3. Olha eu aqui de novo! Pois é, Renata, desse jeito deu até vontade de casar! rs

    ResponderExcluir
  4. O amor nos faz suspirar, Fi!
    Que bom te ver aqui!
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  5. Coisa boa te encontrar também aqui, querida Solange!
    Seja sempre muito bem-vinda!
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  6. Casa! Casa! Casa! Você tem meu total apoio, Dafne!
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  7. Muito obrigada, Jacq querida! Fico feliz que tenha gostado!...
    Beijos carinhosos!

    ResponderExcluir
  8. Casa, casa, casa, todo mundo.
    O legal da história é o percurso que a gente faz junto!!!
    Olhar pro que foi e pro que vai ser é sempre um barato...

    ResponderExcluir
  9. Assino embaixo desta campanha, PC!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. "E quando tudo parece árido, vazio, asséptico, vem o amor para lembrar a que vem. Nascendo de novo como o sol que nunca falta, trazendo consigo a força de uma história, de um sonho emoldurado por beijos e abraços, fotos e filhos, netos que também trazem choro de alegria."

    Ahhhhhhhhhhhhhhhhh o amor ... Lindo texto, Renata !!! Como sempre, veio bem do fundinho da sua alma. Beijos carinhosos, Márcia

    ResponderExcluir
  11. Obrigada, Márcia! Tem dias que a alma está mais inspirada mesmo!...
    Beijos carinhosos, querida!...

    ResponderExcluir
  12. Parabéns por mais um aniversário de casamento.
    Minha felicidade é imensa em poder compartilhar deste o começo deste amor verdadeiro,transparente sem máscaras.
    Por este motivo este texto emociona e faz todo sentido pois é vivenciado a cada dia por vocês.
    Parabéns!Que Deus o abençõe sempre!
    Amo vocês!!!!!! Solange Lemos

    ResponderExcluir
  13. Olá Renata, aposto que não lembra de mim, também tantos alunos, né? Era da Estácio! Achei bacana o seu post, e então resolvi compartilhar com você o blog da minha esposa, que tem tudo a ver com este! http://www.vivendoosim.com.br ela conta um pouco do que aconteceu e acontece conosco nesta nova etapa que estamos vivendo, 5 meses de casados. Vale a pena dar uma lida. Até mais e abraços.

    ResponderExcluir
  14. Claro que me lembro, Marcelo!... Você foi meu aluno em uma das minhas primeiras turmas na Estácio, e tem um sobrenome pouco comum...
    Acabo de vir do blog da sua esposa, dê a ela os meus parabéns!... Uma ajuda e tanto para quem está preparando o casório e não sabe nem por onde começar!...
    Abração!

    ResponderExcluir
  15. E n c a n t a d o r! Muitas saudades, muita vontade de conversar com vc... beijos

    ResponderExcluir
  16. Almocinho esta quarta, vamos? Muita saudade também, amiga Vick!...
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Oi Renata, Que texto lindo! Divulguei ele no meu blog com o link para o seu, espero que não se importe e que goste! Abraços!
    http://bemcasadas.net/2013/07/05/casamento-por-renata-feldman/

    ResponderExcluir
  18. "Querida Bem Casadas",

    Que alegria ter o meu Casamento no seu blog, inspirando também o amor que há por lá.
    Muito obrigada pelo prestígio!

    Um abraço carinhoso!

    ResponderExcluir